SEMINARIOS E PALESTRAS

AGENDE UMA PALESTRA OU UM DE NOSSOS SEMINARIOS EM SUA IGREJA:

1.SEMINARIO " O PLANO DIVINO PARA A FAMILIA"
2.SEMINÁRIO "BASES SÓLIDAS PARA UM CASAMENTO FELIZ"
3.SEMINÁRIO "SOLUÇÕES PARA OS CONFLITOS CONJUGAIS E FAMILIARES"
4.SEMINÁRIO "VENCENDO AS BATALHAS ESPIRITUAIS"
5.SEMINÁRIO INTENSIVO DE EVANGELIZAÇÃO
6.SEMINÁRIO DE LIDERANÇA MINISTERIAL
7.PALESTRAS PARA HOMENS,PARA JOVENS,PARA CASAIS,ETC.

A VOSSA DISPOSIÇÃO ATRAVÉS DO E.MAIL -vcamposrocha@gmail.com

ou deste blog.

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

MAMÂE,ESTIMULE A INTELIGENCIA DE SEU BEBÊ


Alguns pais acham que por seus filhos serem muito pequenos não necessitam de aprendizados além de falar algumas palavrinhas como "papai", "mamãe" ou aprender a andar, mas os estudos científicos sobre a inteligência do bebê têm mostrado que não é apenas a tão conhecida genética que influencia, mas, os estímulos recreativos são fundamentais para o desenvolvimento do seu príncipe ou da sua princesinha.
Por meio de estímulos vão se formando, desde pequeno, o caráter, personalidade, habilidades e gostos de cada criança. Em um lar repleto de carinho e atividades familiares que sejam reproduzidas desde pequenas, elas têm maiores chances de tornarem-se adultos mais felizes e capazes de resolver com equilíbrio situações de dificuldades.
Toda criança precisa de estímulos para um bom desenvolvimento, existem muitas formas para isso. Além dos pais criarem um elo com seu filho, estará ensinando de formas criativas e inovadoras. Você pode, à medida do tempo, ver quais estímulos seu filhotinho gosta mais, e aprender brincando é muito gostoso! Vamos citar 5 dicas que, com a prática e constância, desenvolverá as aptidões e inteligência do seu filho.
1- Cheirinhos e comida. Os cheiros são um ótimo modo de incentivo às novas experiências para seu filho. Estimule-o usando loções específicas para bebês na hora do banho, por exemplo, ou em outros momentos. Na hora da comidinha, faça aviãozinho, aproxime o alimento, demonstre gestos de felicidade nessas horas, principalmente se seu filho não tem muito apetite.
2- Ler. Não importa que idade seu bebezinho tenha, leia para ele, conte historinhas, você perceberá que ele olhará para você, tentará decifrar as expressões do seu rosto, ficará curioso e pode até demonstrar alegria com gargalhadas sobre esse estímulo.
3- Use a música. Cante, assobie, estimule sons com as palmas das mãos, produza sons diferentes com a boca, com objetos musicais, como violão, chocalho, flauta, piano, violino. Faça sons de bichos e vá dizendo, esse som é do cachorro, esse som é do gato, e assim vá criando sons, isso é ótimo para a audição de seu pequeno, além de ajudá-lo a assimilar os sons com animais, objetos e pessoas.
4- Use as cores e dê nomes. Utilize ursos, brinquedos, peças coloridas que ele possa tocar, experimentar com as mãozinhas cada objeto. Você vai ver como seus olhinhos ficam atentos às cores vibrantes e chamativas. Dê nomes aos objetos, carro, casa, urso, boneca, esses mecanismos são excelentes para você mesmo avaliar a atenção do seu filho, se ele enxerga bem as cores, se escuta bem, se responde rapidamente aos estímulos motores ou é vagaroso em acompanhar as atividade feitas com ele, caso note alguma lentidão extrema, consulte o médico
5- Movimentos e pele. Toque nas perninhas, bracinhos do seu filho, faça massagens suaves, beije, acaricie, embale-o, todos esses movimentos são uma demonstração de amor. À medida que ele cresce, aprenderá apreciar a beleza de cada toque de carinho, além de exercitar os músculos do seu bebê, você terá um momento único e mágico com ele. Toque na pele dele com lencinhos de algodão, veludo, isso fará com que ele sinta as texturas materiais sobre a pele, aos poucos ele demonstrará sozinho o que mais gosta e o que não gosta.

Não há alegria maior que ver o fruto vindo do ventre feliz e saudável!

Fernanda Ferraz

Fernanda Ferraz é Graduada pela FAT, na área de Recursos Humanos, trabalha com desenvolvimento, treinamento e gestão de pessoas.

Contato: ferrazefernandasud@hotmail.com

Postar um comentário