SEMINARIOS E PALESTRAS

AGENDE UMA PALESTRA OU UM DE NOSSOS SEMINARIOS EM SUA IGREJA:

1.SEMINARIO " O PLANO DIVINO PARA A FAMILIA"
2.SEMINÁRIO "BASES SÓLIDAS PARA UM CASAMENTO FELIZ"
3.SEMINÁRIO "SOLUÇÕES PARA OS CONFLITOS CONJUGAIS E FAMILIARES"
4.SEMINÁRIO "VENCENDO AS BATALHAS ESPIRITUAIS"
5.SEMINÁRIO INTENSIVO DE EVANGELIZAÇÃO
6.SEMINÁRIO DE LIDERANÇA MINISTERIAL
7.PALESTRAS PARA HOMENS,PARA JOVENS,PARA CASAIS,ETC.

A VOSSA DISPOSIÇÃO ATRAVÉS DO E.MAIL -vcamposrocha@gmail.com

ou deste blog.

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

SALAMANCA,UMA EXTENSÃO DO VATICANO NA ESPANHA

SALAMANCA, UMA EXTENSÃO DO VATICANO NA ESPANHA.
Eram 15 hs do dia 13 de fevereiro de 2011, quando chegamos em Salamanca. Foram mais de seis hs. de viagem, estávamos cansados,eu,minha esposa Fátima,Irmã Adriane e o Presbítero Rogério, porém,muito felizes por vivermos aquele momento histórico.Após tantos anos em Salamanca , era a primeira vez que a irmã Izabel recebia a visita de uma equipe e de um pastor do ministério. Distante 700 km de Almassora, a viagem foi maravilhosa, cruzamos a Espanha e chegamos bem pertinho de Portugal. Vimos muitas cidades; grandes e pequenas. Estradas bem tratadas, olivais, trem bala, campos verdejantes, serras com neve, enfim, foi enriquecedor. Em cada cidade que passávamos meu coração palpitava e sugeria que ali precisava de uma igreja ...
Missionária Izabel Galindo, nos esperava em seu apartamento. Foi uma recepção calorosa, havia algum tempo que não nos víamos. Nos serviu um saboroso almoço,e,como já era tarde,conversamos até mais tardezinha,só não saímos a noite por causa do intenso frio.Falamos de tudo,relembramos os tempos em que nos conhecemos em Monte-Mor,quando meu irmão Pr.Manoel Campos Rocha era o pastor da igreja.Ouvimo-la falar das dificuldades enfrentadas naquela bela cidade espanhola.Sua visão da obra missionária, seus projetos,sua solidão e seus sonhos. Coisas que muito me admiraram, principalmente pelo fato dela estar sozinha a tanto tempo por aquelas terras ,persistindo no ideal de estabelecer uma igreja de nosso ministério naquela cidade tradicional e machista. Verdadeiramente irmã Izabel é uma mulher de fé ,e tem uma convicção muito forte de sua chamada. Deus certamente a honrará por tudo isto. Seu trabalho não será em vão. Segundo fui informado, aos Domingos ao meio dia , ela conseguia reunir um grupo de pessoas em seu apartamento e realizar um culto de adoração a Deus. Isto já se constituía motivos sobejos de alegria, era o início de uma congregação.No dia seguinte nossa anfitriã levou-nos para conhecer o centro da cidade.Andamos por ruas antigas,de construções medievais,tiramos fotografias em abundancia em frente os inúmeros templos católicos e tiritando de frio retornamos a Almassora, passando por Madri,onde almoçamos.Apesar da tristeza da despedida,quando deixamos nossa amada irmã para traz ficou a sensação de uma bela tarefa cumprida e de que fizemos o certo.Fomos lá...
Postar um comentário